Um blog do Travellerspoint

Dia 9 - Lisboa

overcast 20 °C

Peguei perto do albergue um bonde e fui até o bairro do Chiado, que lembra muito Santa Teresa, mas é ainda mais bonito.

DSC01139.jpg
DSC01140.jpg

Este é o Congresso português:

DSC01142.jpg

Ruas do bairro do Chiado:

DSC01143.jpg

Caminhando pelas ruas, encontrei um salão de beleza com uma placa na porta escrito "ABERTO. EMPURRE S.F.F."
Só depois de algum tempo, fui descobrir que a sigla quer dizer "SE FAZ FAVOIRE" !!!

Esta é uma placa que encontrei numa praça. "Sede compassivo com os pobres dos animais que vos ajudam a viver". Heim ???

DSC01147.jpg

O castelo de São Jorge e o bairro da Baixa visto do Bairro Alto:

DSC01148.jpg

Tudo bem que a placa foi tirada em frente a uma obra, mas peões lá são apenas pedestres !

DSC01150.jpg

Peguei o metrô e fui até a estação do Oriente, para conhecer o Parque das Nações. Esta é uma parte mais nova de Lisboa, construída às margens do Rio Tejo para sediar a Expo 98. Nesta região foi construído um moderno centro de convenções, o shopping Vasco da Gama, o Oceanário, um Teleférico, e Torre Vasco da Gama. Achei essa área muito bonita.

Shopping Vasco da Gama:

DSC01158.jpg

Teleférico:

DSC01160.jpg
DSC01178.jpg

Oceanário de Lisboa:

DSC01162.jpg

Torre Vasco da Gama:

DSC01179.jpg

O que você prefere comer ? Sandes, pregos, bifanas ou tostas ?

DSC01181.jpg

Centro de convenções:

DSC01182.jpg

Peguei o metrô de volta para o centro da cidade, na estação do Cais do Sodré, e peguei o trem até Cascais. Este trem vai percorrendo o litoral de Lisboa, e durante 40 minutos passa por lugares como Belém, Carcavelos e Estoril, até chegar ao ponto final em Cascais. A cidade de Lisboa em si não tem praia, pois é a foz do Rio Tejo, mas Carcavelos, Estoril e Cascais tem praias muito bonitas.

Antes de embarcar no trem, fui até a "Bilheteira" comprar meu bilhete pro "comboio". Não haviam guichês, somente máquinas automáticas. Aliás, guichês com pessoas de carne-e-osso vendendo bilhetes nas estações de trem e metrô por toda a Europa estão em extinção, devido a mão de obra cara por aquelas bandas. Em alguns países, paga-se uma taxa extra se comprar no guichê em vez de comprar na máquina automática.

Coloquei as moedas na máquina, escolhi o destino final (Cascais), peguei meu bilhete e embarquei no trem, que estava bem vazio.

DSC01200.jpg

Não havia nenhuma roleta na estação pra embarcar no trem. Nada que bloqueasse o embarque dos passageiros que não pagaram. Isso é regra na Europa toda. As pessoas entram com o bilhete comprado, e dentro do trem surge um fiscal no meio da viagem, que faz um furo no bilhete com uma espécie de grampeador, ou carimbo, para validar a viagem. O espertalhão que não tiver o bilhete, tem que pagar uma multa pro fiscal (geralmente entre 40 e 60 euros), e ainda passa pelo constrangimento de levar um sermão na frente de todo mundo.

Desci no ponto final e me identifiquei de cara com o lugar. Cascais é linda. Uma pequena e tranquila vila de 30 mil habitantes com construções em estilo antigo e uma paz incrível no ar. O por-do-sol lá era sensacional !

DSC01185.jpg
DSC01186.jpg
DSC01196.jpg

De volta ao centro de Lisboa, a noite fui comer com uns australianos que conheci no albergue. Fomos num restaurante na Praça do Rossio que foi um verdadeiro achado. Foi simplesmente a melhor experiência gastronômica da viagem. Por 10 euros comi um Bacalhau à Lagareira que nunca mais vou esquecer !!

Publicado por alexpt 15:00 Arquivado em Portugal

Envie por email este textoFacebookStumbleUpon

Índice

Comentários

Muito divertido,fotos muito boas.

por Enaldops

Comments on this blog entry are now closed to non-Travellerspoint members. You can still leave a comment if you are a member of Travellerspoint.

Informe abaixo os detalhes da sua conta no Travellerspoint

( O que é isso? )

Se você não é ainda um membro do Travellerspoint, inscreva-se grátis.

Inscreva-se no Travellerspoint