Um blog do Travellerspoint

Dia 20 - Hvar - Dubrovnik

sunny 27 °C

Acordamos às 10h. Mais um dia de sol maravilhoso em Hvar ! Fiquei bem arrependido de passar só duas noites no paraíso ! Queria ficar pelo menos uma semana ! Ficou um gosto de quero mais....

O funcionário do hotel nos levou de carro de volta pro porto, onde compramos a passagem do catamarã de volta para Split. Custou 47 kunas (R$14,50).

Comemos um čevapi, que é um kebab ao estilo croata, com pedaços de carne de carneiro no formato de kibe. Paguei 30 kunas (R$9) , meio caro, mas o sanduba era gigante, valeu como uma refeição !

DSC05562.jpg
DSC05563.jpg
DSC05565.jpg

Suco de laranja vermelha (grapefruit ??)

DSC05560.jpg

Uma coisa muito boa aqui da Croácia é que TODO MUNDO fala inglês, desde o vendedor de kebab até o motorista de ônibus !

Mais uma da série "placas esquisitas". Essa é "Cuidado com o maníaco da mão preta" ehehheh

DSC05567.jpg

Última foto em Hvar, do lado do catamarã, com a camisa que comprei da seleção da Croácia !!

DSC05566.jpg

A travessia de catamarã até Split durou 1h.

Nosso ônibus para Dubrovnik:

DSC05568.jpg

O ônibus saiu às 16h e a viagem de 215 Km durou 4:30h, percorrendo uma estrada sinuosa acompanhando o litoral montanhoso da Dalmácia. As paisagens eram sensacionais, lembrando muito a Highway 1 que corta o litoral da California, ou a Rio-Santos.

Passando por bairros residenciais de Split:

DSC05569.jpg
DSC05570.jpg

Paisagem sensacional durante o trajeto:

DSC05581.jpg
DSC05585.jpg
DSC05586.jpg
DSC05583.jpg

O ônibus fez paradas em algumas pequenas cidades à beira-mar, e também passou por um trecho do território da Bósnia. Isso porque a Bósnia tem um pequeno trecho de cerca de 5Km do litoral do Mar Adriático, mas continuando mais ao sul, volta a ser território da Croácia. Confuso ?? É como se a Bósnia fosse Minas Gerais, mas com um "corredor" ligando seu território ao mar num ponto qualquer do estado do Rio ou do Espírito Santo. Muito louco ! O ônibus parou na fronteira, e subiu um guarda falando alguma coisa em bósnio e olhando atentamente pra cara de cada passageiro. Quando ele olhou pra mim, pediu pra olhar meu passaporte e foi embora sem falar nada. Detalhe que ele não olhou o passaporte de mais ninguém !! Será que tenho cara de terrorista ? hahahhaha

No pequeno litoral da Bósnia fica a cidade de Neum:

DSC05590.jpg

O ônibus fez uma rápida parada numa lanchonete de Neum:

DSC05591.jpg

Depois de percorrer uns 2 Km, mais outro controle de fronteira, agora para entrar novamente na Croácia. Subiu o guarda croata, ficou olhando pra todos os passageiros sem falar nada, e adivinhem....pediu o passaporte só pra mim !! Acho que é porque não tinha feito a barba de manhã...heheheheh

Chegamos em Dubrovnik quando já tinha anoitecido. Tinha um monte de velhinhas oferecendo hospedagem na rodoviária. A pousada (Bokum Guesthouse) fica próxima a rodoviária, então deu pra ir andando.

Não gostei muito dessa pousada. Achei meio caro para o que é. Pagamos 200 kunas a diária (por pessoa) = R$63, ou seja, quase o dobro que pagamos em Hvar (110 kunas), e a pousada de Hvar era muuuito melhor ! Essa não tem ar (ventilador de teto), não tem frigobar, nem cozinha, e o quarto é bem menor. As pousada em Dubrovnik são mais caras. Tem umas mais baratas, mas ficam muito distantes da Stari Grad (cidade antiga), ficaria complicado o deslocamento. Essa pousada que pegamos, pelo menos, tem tudo mais ou menos perto e dá pra ir andando.

Comemos um kebab (outro !!!) perto do albergue e caminhamos rumo a cidade antiga.

Dubrovnik, no extremo sul da Croácia, fica no litoral do Mar Adriático, bem próximo a fronteira com Montenegro, e é um dos principais destinos turísticos do país. A cidade foi fundada por romanos no século 8, e do século 14 até o século 19 foi uma cidade-república independente. A principal atração é a cidade antiga, patrimônio mundial da Unesco, toda cercada por muralhas medievais. Em 1991, a cidade antiga sofreu sérios danos por causa dos bombardeios sérvios durante a guerra da Bósnia. Nada justifica tamanha estupidez. Depois do fim da guerra em 1995, iniciou-se um minucioso trabalho de restauração que apagou as sequelas da guerra, devolvendo o antigo esplendor da cidade antiga.

Fotos da cidade antiga à noite:

DSC05594.jpg
DSC05596.jpg
DSC05597.jpg
DSC05599.jpg
DSC05600.jpg
DSC05602.jpg
DSC05605.jpg

Os dois lugares que eu tinha visto no Lonely Planet e na internet que bombam a noite estavam fechados, talvez por ser quarta-feira e não ser alta temporada. Só achamos um bar bem mais ou menos na cidade antiga. Tomamos umas cervejas nesse bar só pra não deixar passar em branco, e voltamos pra pousada 1h da manhã.

Publicado por alexpt 15:00 Arquivado em Croácia

Envie por email este textoFacebookStumbleUpon

Índice

Comentários

Hvar, eu tiro o chapéu, é o primeiro lugar de chavequismo decadente ibizóide que você foi que realmente não é só esbórnia.

Este corredor mineiro que você falou chama-se Cabo Frio.

por Enaldops

Comments on this blog entry are now closed to non-Travellerspoint members. You can still leave a comment if you are a member of Travellerspoint.

Informe abaixo os detalhes da sua conta no Travellerspoint

( O que é isso? )

Se você não é ainda um membro do Travellerspoint, inscreva-se grátis.

Inscreva-se no Travellerspoint